Actualidade

Está aqui

Sistemas de drenagem ACO no Novo San Mamés

01/06/2015
Los sistemas de drenaje de ACO, empresa líder mundial en tratamiento de aguas, han sido instalados en el nuevo estadio de fútbol de Bilbao para garantizar la correcta evacuación del agua pluvial. La solución empleada tiene como objetivo el mantenimiento del gramado en buen estado, teniendo en cuenta las abundantes precipitaciones que se producen en la capital vasca.

Os sistemas de drenagem da ACO, empresa líder mundial no tratamento de águas, foram instalados no novo estádio de futebol de Bilbao com vista a assegurar o escoamento adequado das águas pluviais. A solução aplicada tem como objetivo a manutenção da relva em bom estado, tendo em conta a precipitação abundante que se costuma fazer sentir na capital basca. O novo estádio, com capacidade para 53.000 espectadores, tem como ambição ser considerado um estádio “5 estrelas” segundo os padrões da UEFA. Herda o seu nome do mítico San Mamés, popularmente conhecido como “a catedral do futebol”, onde durante mais de 100 anos jogou o Athletic Club de Bilbao, uma das grandes equipas do futebol espanhol e a única, juntamente com o Barcelona e Real Madrid, a ter militado durante toda a sua história na primeira divisão da Liga Espanhola. Dado que a localização do novo estádio é praticamente a mesma do seu antecessor, foi necessário realizar as obras em duas fases, de modo a permitir à equipa continuar a jogar “em casa”. A IDOM/ACXT arquitetos foi a empresa encarregada de desenhar o novo estádio. César Azcárate, arquiteto responsável pelo projeto, fala sobre ele nos seguintes termos: “A localização do novo estádio no final da zona urbana El Ensanche de Bilbao, erguendo-se de forma privilegiada sobre a Ria, converte o edifício numa peça arquitetónica singular que se manifesta com força e veemência mas simultaneamente respeito relativamente às restantes edificações que configuram esta zona da cidade. Desta reflexão surge um dos principais aspetos tidos em conta no projeto: a conceção do volume de construção enquanto edifício urbano em relação aos demais e não como meras instalações desportivas.”

 

Canais de drenagem ACO, máxima segurança e fiabilidade dentro e fora do campo

A multinacional alemã ACO possui uma larga experiência e manifesta-se continuamente empenhada em oferecer as melhores soluções para instalações desportivas. Está presente nos principais estádios olímpicos, como recentemente em Pequim e Sidney, e nos grandes circuitos de velocidade do circuito de F1, por exigência da FIA, encontrandose instalada nos circuitos mais emblemáticos como Sepang, Bahrain, Xangai ou os circuitos da Catalunha, Alcañiz e Los Arcos, para além de ser a escolha de eleição para os mais importantes estádios de futebol, como se pôde comprovar no último mundial de futebol no Brasil no famoso estádio do Maracanã, na Arena de Pernambuco, na Arena Corinthians de São Paulo, assim como nos estádios Castelão de Fortaleza e Pantanal de Cuiaba. Por esse motivo, na hora de construir um dos estádios mais modernos da Europa como é o Novo San Mamés, a escolha recaiu novamente sobre a ACO. Um dos fatores cruciais para que um terreno de jogo funcione devidamente é um relvado bem instalado, para o que deverá dispor-se de um sistema de drenagem que permita escoar de forma rápida e fiável a água das chuvas sem afetar nem condicionar o jogo a decorrer em campo. A pensar nisso, foi utilizado o sistema N100 Sport, especialmente concebido para satisfazer as mais elevadas exigências em instalações desportivas, com os seus cantos arredondados a facilitar a sua união com o relvado, mediante colocação em cascata na zona do perímetro do terreno de jogo. Para além disso, o Novo San Mamés conta na zona do terreno de jogo com uma solução à medida especial, a partir do canal SELF 300 da ACO, com grelha cega para albergar devidamente as cablagens. Outros dos vários sistemas ACO utilizados foram os canais SELF 100, com grelha em antracite, colocados na zona dos bancos, e também com grelha em aço inoxidável anti-saltos altos nas zonas de acesso ao campo. Na zona exterior do estádio foram colocados canais da gama S300 com a grelha cega em ferro fundido para acomodar as ligações elétricas das unidades móveis de televisão, garantindo a circulação dessas unidades, que possuem uma classe de carga F900. Um dos desenvolvimentos mais espetaculares da ACO Ibéria para o Novo San Mamés foi a colocação de mais de 600 metros de canal perimetral modular de drenagem em aço inoxidável CM155 com grelha anti-saltos altos na zona de acesso ao estádio e em torno da loja do clube. A sua largura de 155 mm permite uma união prática com as superfícies circundantes, resultando numa solução robusta e simples para os problemas de drenagem. Foram também colocadas 10 tampas de visita rebaixadas de 50 x 50 na zona de passagem que liga a sala de imprensa aos balneários.

 

O valor dos detalhes O projeto pretendeu valorizar zonas do estádio habitualmente relegadas para segundo plano, como o perímetro e a parte traseira da arquibancada. Para estas zonas foi previsto um conceito espacial próprio, dotado de uma relação muito intensa com a cidade e a envolvente. O estádio dispõe igualmente de zonas como o museu, a loja oficial do clube, restaurante, cafetaria, zonas de reuniões, bancadas e zona VIP, para além de um polidesportivo de utilização contínua para a cidade sob uma das suas bancadas. De destacar o tratamento singular da fachada, que confere dinamismo e unidade ao conjunto, enquanto a sua iluminação noturna cria um marco urbano sobre a Ria que pretende projetar uma nova imagem de Bilbao para o exterior. A cobertura é composta por possantes treliças metálicas radiais orientadas para o centro do terreno de jogo. “A configuração das bancadas está toda ela voltada para o relvado, fazendo com que a pressão dos espetadores sobre o jogo seja máxima, fazendo lembrar o antigo San Mamés, conhecido no mundo inteiro por ser uma grande panela de pressão onde o público está sempre em cima dos jogadores”, declara o arquiteto.

Ficha Técnica:

Obra: Estadio San Mamés

Localização: Bilbao

Arquitecto: César Azcárate (Arquitecto Idom/ACXT)

Sistemas de drenagem ACO instalados: CM155 con grelhas anti-saltos altos, N100 Sport, SELF 300 con grelhas para cablegens e grelha cega, SELF 100 antracite, SELF 100 RJ INOX anti-saltos altos, S300 tampa cega F900 e tampas de visita rebaixadas 50x50.

Fotografia: Josema Cutillas

 

Solicitar imagens de alta resolução aqui:ana@boschyserret.com