Actualidade

Está aqui

Soluções de drenagem ACO para portos desportivos

01/05/2016
Com o objetivo de evitar que as águas portuárias sejam contaminadas com hidrocarbonetos e outros resíduos, a ACO propõe canais de drenagem e separadores de hidrocarbonetos que permitem dotar os portos desportivos de um sistema eficiente de gestão e depuração da água. A ACO apresentou estas soluções no âmbito das Jornadas Técnicas organizadas pela Asociación Catalana de Puertos Deportivos y Turísticos (ACPET), que se realizam no início de maio em Tarragona.

A possível contaminação das águas marítimas por hidrocarbonetos é uma das problemáticas que surgem, habitualmente, no momento de projetar um porto desportivo. Situações acidentais, como ruturas ou manobras incorretas no reabastecimento de combustível dos barcos, podem fazer com que estes líquidos caiam à água e prejudiquem o ecossistema marinho. Uma das melhores formas de evitar este tipo de situações é a correta canalização de águas pluviais e residuais, e a incorporação de separadores de hidrocarbonetos nas instalações portuárias.

Para a coleta de águas, a ACO dispõe do sistema ACO Monoblock: um canal de drenagem contínuo, protegido por grelhas pisáveis, que se adapta ao pavimento para que a superfície não apresente irregularidades percetíveis. A peculiaridade deste canal é que, em vez de uma grelha apoiada sobre um bastidor, ambos –grelha e canal- constituem uma peça única de betão polímero. Deste modo, consegue-se eliminar totalmente os ruídos de passagem sobre uma grelha metálica e qualquer possibilidade de corrosão pelas próprias características do material. ACO Monoblock é fornecido em duas cores: natural e preto. A manutenção e a limpeza efetuam-se através dos elementos de registo ou por meio de uma mangueira de água pressurizada, e suporta as cargas de classe D400 (zonas de passagem de camiões, bombas de gasolina ou plataformas logísticas) sem suporte adicional.

Preservar o nível de qualidade das águas portuárias

A água, uma vez canalizada, deve dirigir-se para um separador de hidrocarbonetos e uma estação de decantação, para que a água vertida para a rede de águas residuais e para o mar não esteja contaminada nem contenha resíduos em suspensão grossos ou finos. A ACO dispõe de uma ampla gama de separadores de hidrocarbonetos que respeitam a norma EN858/1 e 858/2. São fabricados em polietileno de alta densidade ou em betão armado para a sua instalação enterrada. Existem em diferentes tamanhos, consoante a capacidade de armazenamento de óleos ou decantações que o porto desportivo requeira. Ao mesmo tempo, dispõe de diferentes tipos de modelos adaptados ao tráfego rodoviário, que pode circular sobre o mesmo. O acesso para a limpeza e manutenção destes separadores de hidrocarbonetos é fácil.

Os canais de drenagem da ACO, assim como os seus sistemas de separadores de hidrocarbonetos, foram instalados nos portos desportivos de Garraf, Mataró, L´Estartit e Blanes, e em Port Olímpic de Barcelona, entre outros.

A ACO apresentou estas soluções e o seu serviço técnico ACO Service no âmbito das XIV Jornadas Técnicas e de Trabalho organizadas pela Asociación Catalana de Puertos Deportivos y Turísticos. Durante o evento, debateu-se a situação atual do setor, fazendo-se referência a temas da atualidade, como as alterações climáticas ou a integração porto-cidade.

Solicitar imagens de alta resolução aqui:ana@boschyserret.com